10 motivos para acreditar que a Chapecoense é o Leicester brasileiro

1 – Tem seu artilheiro pouco badalado, mas matador. Bruno Rangel é forte candidato a ser o Vardy do Brasileirão!

Rangel_Vardy
2 – Assim como o clube inglês, a Chapecoense não possui uma folha salarial elevada e disputa entre os considerados gigantes do futebol brasileiro. Nessa briga de Davi contra Golias, clubes de altos investimentos como Corinthians, Palmeiras e Internacional poderiam ser comparados aos monstros europeus como Manchester United, Chelsea e Manchester City.

3 – O elenco é repleto de jogadores desconhecidos e mescla experiência (Ananias, Cleber Santana, Kempes) e juventude. Essa fórmula deu certo na Premier League.

4 – O time é de uma cidade pouco badalada, ao contrário dos gigantes das capitais. Se comparamos, São Paulo possui uma população estimada em mais de 11 milhões de habitantes contra pouco mais de 200 mil de Chapecó. É uma comparação tão desleal quanto comparamos a cidade de Leicester (340 mil) com Londres (8,4 milhões).

cidades

5 – As competições nacionais não “permitem” zebras! Se olharmos o histórico das conquistas da Premier League e do Brasileirão, são raríssimas as conquistas que fogem das mãos dos times mais badalados. Porém, o Leicester já provou que isso não é uma regra!

2

6 – A Chapecoense caiu nas graças dos torcedores. Apelidos divertidos como Chapeterror e Chapelemanha já fazem parte do folclore do futebol brasileiro. Difícil encontrar algum torcedor que tenha algo contra o time de Chapecó. O carisma do time impulsionado pelo grande desafio, tornou o Leicester o segundo (ou até mesmo o primeiro) time de torcedores em todo o mundo. O caminho aqui não parece ser tão distante.

chapeterror

7 – Vitórias contra os gigantes! As goleadas aplicadas sobre Internacional e Palmeiras mostraram que a Chapecoense não entra em campo para cumprir tabela. Entra para vencer! Façanhas que o Leicester mostrou nessa temporada que são fundamentais para conquista do título.

Palmeiras_1

8 – Guto Ferreira tem grande experiência no futebol, mas traduzido em poucos títulos de expressão. Uma história semelhante ao italiano Claudio Ranieri, que teve grandes times sob seu comando mas nunca havia conseguido conquistar um título nacional.

ranieri

9 – A força do mando de campo! A Arena Condá virou o terror dos adversários da Chapecoense. O time se agiganta e com a força da sua torcida dificilmente deixa escapar os 3 pontos. Mais uma vez, um grande ponto a ser considerado se comparado aos feitos do Leicester dentro do King Power Stadium.

estadios

10 – A Chapecoense já fez o desafio para o confronto direto contra o Leicester. Será que em breve poderemos ver um duelo entre o fenômeno do Campeonato Inglês e a sensação do Campeonato Brasileiro?

chape2